• www.mesaofrio.com.pt
  • www.mesaofrio.com.pt
  • www.mesaofrio.com.pt
  • www.mesaofrio.com.pt

História

Lazer

Vitivinicultura

Gastronomia

Artesanato

Ponte de Carrapatelo

  • Versão para impressãoEnviar por E-mail

Encontra-se a Norte da vila de Mesão Frio, sobre o rio Teixeira, com margens altas cobertas com muita vegetação. É enquadrada por encostas de certo declive, com casas dispersas e socalcos com vinha.Em 1758 as Memórias Paroquiais já referem a existência de uma ponte de cantaria no Lugar de Carrapatelo. Fazia parte da estrada pombalina ou estrada da Companhia que ligava Mesão Frio a Amarante.

Arquitectura de comunicações e transportes, oitocentista. Ponte de arco, com tabuleiro horizontal sobre um único arco de volta perfeita.
Descrição
Ponte de tabuleiro horizontal sobre um único arco de volta perfeita, de aduelas estreitas e compridas, com extradorso irregular e o fecho sobreposto por cartela oval inscrita com a data de 1843. Apresenta aparelho regular em cantaria de granito, com pilastras toscanas a enquadrar o arco, e dupla cornija recta no topo, a inferior sobreposta por gárgulas cilíndricas dispostas a ritmo regular, e a superior muito avançada. Pavimento em lajes de cantaria com algum material betuminoso, no lado de Mesão, e passeios alteados do mesmo material, protegidos por guardas plenas em cantaria, com duas fiadas de silhares sobrepostos e remate saliente de perfil curvo; de cada lado da ponte, as guardas são encimadas por plinto paralelepipédico coroado por bola sobre acrotério, tendo uma das bolas, do lado de Mesão, sido deitada a baixo.
Acessos
EN 101 (Mesão Frio - Amarante), Km 160, sobre o rio Teixeira; Gauss: M-219.9, P-466.6; Fl. 126
Grau
3
Enquadramento
Rural, isolado, a N. da vila de Mesão Frio, sobre o rio Teixeira, com margens altas cobertas com muita vegetação. À entrada e saída da ponte existem casas ladeando a estrada. É enquadrado por encostas de certo declive, com casas dispersas e socalcos com vinha.
Utilização Inicial e Actual
Comunicações e transportes: ponte rodoviária
Propriedade
Pública: estatal
Época Construção
Séc. 19
Arquitecto / Construtor / Autor
APONTADOR: José d'Almeida Guedes (1843). CONSTRUTOR: Melo (1843). ENGENHEIRO: António Caetano Pereira de Andrade (1843).
Cronologia
1758 - as Memórias Paroquiais já referem a existência de uma ponte de cantaria no Lugar de Carrapatelo; 1843 - construção da ponte sobre os alicerces de uma outra muito antiga e em ruínas, pelo construtor Melo, de Quintela, por 9:999$999; a obra teve a direcção do engenheiro militar António Caetano Pereira de Andrade, natural da freguesia do Loureiro; foi apontador da obra José d'Almeida Guedes.

 


Características Particulares
Ponte construída na centúria de oitocentos para substituição de uma outra mais antiga, com alguns apontamentos decorativos interessantes, como as pilastras flanqueando o arco, o remate em cornija sobreposta por gárgulas e as bolas coroando os extremos das guardas.
Materiais
Estrutura em cantaria de granito.
Bibliografia
FORNELLOS, Alvaro Maria de, Memória Historico-Economica do Concelho de Mesão Frio, Coimbra, 1886; Guia de Portugal, Fundação Calouste Gulbenkian, vol. 5, p. 288; DIAS, António Gonçalves, Fastos de Mesão Frio. Crónicas Escritas à guisa de Monografia, 1999; CAPELA, José Viriato, BORRALHEIRO, Rogério, MATOS, Henrique, As Freguesias do Distrito de Vila Real nas Memórias Paroquiais de 1758. Memórias, História e Património, Braga, 2006.
Observações
Fazia parte da estrada pombalina ou estrada da Companhia que ligava Mesão Frio a Amarante.
Fonte
S.I.P.A por Paulo Amaral , Paulo Dordio e  Paula Noé

 

Freguesias e Património

Mesão Frio oferece mais...