• www.mesaofrio.com.pt
  • www.mesaofrio.com.pt
  • www.mesaofrio.com.pt
  • www.mesaofrio.com.pt

História

Lazer

Vitivinicultura

Gastronomia

Artesanato

Casa de Sant´Anna

  • Versão para impressãoEnviar por E-mail

Casa de Sant'Anna, apresenta na fachada virada a norte, o mais sumptuoso Brasão de todo o concelho de Mesão Frio, em cujo escudo esquartelado se esculpiram as "armas" dos Borges, Carvalhos, Alpoins - armas antigas - e Botelhos. O ano de 1724, que se encontra gravado na frontaria da fachada meridional, comemora muito possivelmente a data do acabamento da primeira edificação por Luís Pereira de Carvalho Borges, fidalgo que reunia dois dos apelidos mais nobres da região. José Borges de Carvalho Sousa de Vasconcelos foi o último fidalgo da Casa de Sant'Anna e morreu em data desconhecida.

Arquitectura civil privada, barroca. Solar barroco de planta em L, com corpo principal mais antigo, rectangular, de 2 pisos e fachadas ricamente decoradas e de fenestração regular, e corpo secundário posto transversalmente, de grande pobreza arquitectónica. Integra capela, volumetricamente indistinta na construção.
Descrição
Casa de planta composta em L e volumes articulados, de dois corpos rectangulares de dois pisos, cronologicamente distintos, articulando o mais recente na direcção N. - S. com um mais antigo perpendicular num dos extremos, na direcção O. - E.. Coberturas diferenciadas em telhados de quatro águas de onde se destaca uma extensa chaminé e quatro gateiras. Possui duas fachadas principais, uma voltado ao Douro e ao vale da Sermenha e outra voltada para um pequeno terreiro de entrada. A fachada principal do corpo mais antigo, exposta a S. e de 2 pisos separados por friso, tem pilastras nos cunhais e é encimada por uma alta cornija com diversos frisos e marcada ritmadamente nos alinhamentos das ombreiras das aberturas por cachorros salientes. No piso térreo abrem-se pequenas aberturas correspondentes a áreas de serviço. No superior sete janelas de sacada encimadas por frontões triangulares. No extremo O. e sensivelmente mais recuado, três janelas de guilhotina encimadas por três pequenos óculos correspondentes ao corpo mais recente. A fachada de topo deste corpo exposta a Nascente e no mesmo alinhamento do portal brasonado, apresenta o mesmo tipo de linguagem nas pilastras dos cunhais, na cornija de remate e também nas janelas dos dois pisos, apresentando no piso térreo uma porta entre as duas pequenas aberturas. O portal ladeado por duas pilastras, e rematado superiormente por um entablamento com diversos frisos, apresenta ao eixo um espaldar onde se insere uma pedra de armas ladeado por volutas profusamente decoradas encimado por um outro entablamento com volutas a ladear no topo uma flor-de-lis. Para cada lado do espaldar nos extremos do portal dois coruchéus. Este portal, ao eixo sobre o portão engradado uma cartela com rolos patenteia a data de "1724".
Acessos
Desvio da EN 108 para Oliveira, Lug. do Terreiro, estrada de ligação entre o Lug. do Rossio e a Igreja Matriz de Oliveira GPS: N41ᵒ10,583” – W7ᵒ49,785”
Grau
2
Enquadramento
Urbano, adossado a um extenso e alto muro que define um caminho semi-empedrado e estreito de acesso à Igreja Matriz de Oliveira. A casa insere-se a meia encosta no interior da quinta com o mesmo nome e implanta-se junto ao gaveto de uma rua larga de acesso ao núcleo de Oliveira e o caminho atrás referido. Para a rua larga o portão de entrada para o terreiro de acesso ao solar e onde se destaca um portal barroco profusamente trabalhado de acesso a um pátio. Para N. desenvolvem-se socalcos típicos desta zona e para S. diversas plataformas, constituindo uma delas, a confrontar com a casa um espaço carregado de laranjeiras debruçado sobre a paisagem: o Douro e o vale da Sermenha. Numa das extremidades desta quinta no núcleo da Oliveira implanta-se a Casa D'Além.

 


Descrição Complementar
Para O. da casa na zona onde está adossada ao muro confrontante com o caminho um corpo mais recente pode ler-se numa pequena lápide de granito a data de "1774".
Utilização Inicial
Residencial
Utilização Actual
Residencial e turística: Turismo rural
Propriedade
Privada: pessoa singular
Época Construção
Séc. 18
Cronologia
1724 - Construção da casa; 1774 - ampliação da mesma; séc. 19 - adquirida pelo Sr. José Carvalho Macedo ao Sr. José Borges de Carvalho Soares de Vasconcellos; 1992 - obras de adaptação ao Turismo Rural.
Características Particulares
Contraste entre a linguagem arquitectónica do corpo mais antigo e a simplicidade do posterior, ainda que a construção de ambos se situe na mesma centúria. Portal de entrada em espaldar com pináculos laterais e pedra de armas com paquife e elementos naturalistas bastante caprichosos.
Dados Técnicos
Paredes autoportantes de granito.
Materiais
Paredes exteriores de alvenaria de granito rebocadas pelo interior e exterior; cobertura revestida a telha de barro; caixilharias de madeira pintada; revestimento de pavimentos a soalho de madeira; tectos interiores em madeira ou estucados; portão e guarda da varanda em ferro pintado.
Bibliografia
MONTEIRO, Manuel, O Douro, 1998, Porto.
Observações
A Quinta da casa de Sant'Ana produzia 200 pipas de vinho. Um dos seus proprietários era filho do Sr. João Carvalho Macedo da Quinta do Castello.
Fonte
S.I.P.A. por Isabel Sereno

 

Freguesias e Património

Mesão Frio oferece mais...